Pular para o conteúdo principal

"Living Single", a versão original e negra de "Friends"

Aceitem: Friends é plágio de Living Single, sim! - Mundo Negro
A sitcom "Living Single" fez história, com Queen Latifah, Kim Fields, Kim Coles, John Henton, Terrence C. Carson e Erika Alexander no seu elenco de protagonistas. A série era centrada em um grupo de amigos que vivia em dois apartamentos do mesmo prédio, dividindo suas experiências pessoais e profissionais em Nova York. Este viria a ser um dos seriados afro-americanos mais populares da época.

Friends TV Show Wallpapers - Top Free Friends TV Show Backgrounds -  WallpaperAccess

O programa despertou a atenção de muitos, logo em seu primeiro ano de exibição no Warner Channel. Neste período, um executivo da NBC, o Warren Littlefield, revelou em entrevista que "Living Single" era uma produção que gostaria de ter em sua emissora. Pouco tempo depois, a NBC estreia "Friends", série com a mesma temática e até personagens com personalidades parecidas, mas todos interpretados por atores brancos.

Living Single Encouraged Women To Glow Up In BrooklynEnquanto o programa original da Warner era iconizado junto à população negra, retratando mulheres afro-americanas em cargos de poder (como dona de revista e advogada, por exemplo), os poucos negros que tiveram a chance de aparecer em episódios de "Friends" interpretavam subalternos. A grande maioria desses personagens nem tinha nome. Segundo o escritor de Friends, Saul Austerlitz, os executivos na NBC temiam que a aparição de não brancos gerasse queda na audiência.

Os dois programas chegaram a ser exibidos no mesmo horário. A popularidade de "Friends" foi crescendo cada vez mais e o show de TV durou até 2004, consagrando-se como a sitcom mais popular do mundo. "Living Single" foi encerrada em sua quinta temporada, em 1998.

Os fãs de "Friends" devem admitir que a série envelheceu mal em alguns aspectos e piadas que já não cabem na sociedade de hoje. Vendo a primeira temporada de "Living Single" tive uma sensação diferente, assistindo a abordagem de temas extremamente pertinentes. Uma personagem que vale citar (minha preferida) e é um dos pontos altos da produção é Max Felice Shaw, a advogada obstinada e bem sucedida.


Em recente entrevista, além de comentar sobre as semelhanças entre as duas séries, Queen Latifah (intérprete de Khadijah) falou sobre a possibilidade de um reboot do clássico que estrelou nos anos 90. Resta torcer. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Betty Boop, a Verdadeira História

Apesar de não estar no ar em nenhuma animação no momento, Betty Boop é certamente uma das personagens de cartoon mais populares do mundo. Ela está por toda a parte, canetas, camisetas de times de futebol e até tatuagens de senhoras de meia idade. Mas qual a sua origem?

Inês, um retrato do Brasil

Em 2012, outro vídeo viralizava na internet. O que parecia ser só mais um meme passageiro trouxe a público uma personalidade pitoresca do país, que acabou por despertar simpatia em milhões de pessoas. Este alguém em questão é Inês Tânia Lima da Silva, mais conhecida pelo nome artístico de Inês Brasil, que, com um vídeo de inscrição para um popular reality show, viu nascer o sonho de uma carreira musical que a tirou da prostituição.

De Irmã de Kennedy a Ator de Hollywood: Vítimas Famosas da Lobotomia

Você tem depressão, alguma fobia ou questão psicológica? E se o seu médico receitasse a retirada de uma parte do seu cérebro como tratamento? Pode parecer bizarro, mas esta era uma prática comum no começo do século XX, chamada de Lobotomia. A intervenção cirúrgica desenvolvida pelo médico português António Egas Muniz perdeu popularidade por transformar os pacientes em verdadeiros vegetais quando não os levava à morte. À seguir, tratamos sobre algumas figuras conhecidas que foram vitimas do procedimento.