11 outubro 2019

Elza Soares quer te acordar

Resultado de imagem para elza soares planeta fome

Em sua recente apresentação no Rock In Rio, a cantora Elza Soares se mostrou mais preocupada em denunciar problemas sociais, do que propriamente entreter o público do festival. Nas entrevistas que sucederam o evento, Elza também se esquivava de perguntas banais para tratar sobre a atual situação do Rio de Janeiro, sobre as mazelas que o povo brasileiro tem vivido sem expressar reação alguma.

Foi deste sentimento que nasceu "Planeta Fome", seu disco recém lançado que trata de preconceito, corrupção e desigualdade social. Um verdadeiro retrato do Brasil, pintado por sua artista mais ilustre da contemporaneidade. Segundo Elza, o álbum é uma resposta ao silêncio da massa, um convite ao despertar. E ela me acordou.

Em 1968, o estudante secundarista Edson Luís foi morto com um tiro à queima roupa durante um protesto. Em plena ditadura militar, num cenário de repressão e longe dos meios de comunicação modernos, reações foram organizadas em todo o país, até culminarem na Passeata dos Cem Mil, quando o movimento estudantil tomou as ruas e ganhou força com a participação de artistas e intelectuais. Este é só um dos exemplos de quando os jovens iniciaram um movimento revolucionário no país, Diretas Já e Caras Pintadas são outros .

Resultado de imagem para passeata dos 100 mil

É 2019. Conectar-se nunca foi tao fácil. No entanto, as ruas estão vazias. Assistimos atônitos aos impropérios de um governo e à morte dos nossos. Será que estamos apenas menos empáticos? Acho que não. Até mesmo os que reconhecem as injustiças sociais não exprimem reação. Apenas porque não se tem tempo de reagir. Afinal, o cérebro tem limite para ajudar na tomada de decisões. Com a sobrecarga de informações, a relevância dos dados na memória pode se tornar confusa e causar um efeito paralisante no individuo. É o que estamos vivendo: uma grande paralisação. Antes que você possa digerir as noticias de ontem, precisa lidar com as de hoje, sabendo que as de amanhã serão ainda mais graves.

Enquanto isso, a Amazônia queima. Enquanto isso, os índios morrem defendendo o que lhes sobrou de terra. Enquanto isso, o carro de uma família recebe 80 tiros por engano. Enquanto isso, DJ Renan da Penha continua preso. Outro favelado detido por associação ao trafico de drogas, enquanto os que financiam essa indústria estão longe de vivenciar o dia a dia das comunidades. Outro negro condenado à prisão sem justificativa ou oportunidade de defesa decentes. Enquanto isso, Ágatha Vitória é vitimada por uma guerra perdida desde o seu inicio.

E todos desenvolvemos FOMO (fear of missing out): medo de estar perdendo algo. Medo de não estar informando-se o bastante. Nesta ânsia por saber, é propagada a desinformação. Consumimos desenfreadamente sem dar relevância ao que realmente importa. Neste cenário, surgem as fake news. Quando já não há sobre o que saber, cria-se algo.

Resultado de imagem para elza soares planeta fome

Todo dia alguma fala do nosso principal governante, ou de algum da sua comitiva, ganha os noticiários, vira meme. Enquanto isso, as tomadas de decisão que realmente dizem respeito ao povo não chegam até ele. Esta tática de dominação tem funcionado. Assim como Elza, espero que não precisemos aguardar pelo pior para sairmos deste estado de apatia. Espero que "Planeta Fome" também acorde você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário