Pular para o conteúdo principal

Celebridades Que Passaram a Produzir Conteúdo Para o Youtube


Resultado de imagem para celso portiolli canal

Hoje, não é incomum ligar a TV e ver youtubers em programas, seja á frente das atrações ou como convidados. Kéfera e Mr Poladoful são exemplos de personalidades que começaram no youtube e ganharam seus próprios programas na TV, mas algo que tem ocorrido com frequência é o inverso: artistas da TV buscando no cenário democrático da internet  formas de seguir produzindo conteúdo.



 Uma das primeiras a migrar para o site de videos foi a atriz e apresentadora Antonia Fontenelle. Depois de atuar no cinema, teatro e televisão, ela resolveu começar o seu proprio talkshow no Youtube, o "Na Lata com Antônia". Com mais de 340 mil inscritos, o Na Lata completa três anos e, além de entrevistas com personalidades como Boni e Jean Wyllys, também conta com vlogs da própria Antônia, um reality que mostra seu dia a dia e outros quadros do tipo.



 Antes postando apenas videos do extinto humorístico do SBT "Ô...Coitado!", a atriz Gorete Milagres resolveu investir em sua própria websérie. Muito se falou no retorno da personagem que a tornou conhecida nacionalmente, a Filomena, à televisão... o que acabou não acontecendo. Agora, a doméstica Filó passa a trabalhar numa casa onde a mãe trabalha o dia todo e o pai é diplomata, aparecendo só uma vez por ano para ver as crianças e originando o titulo da série: "Papai Só Vem No Natal". A estréia ocorreu ontem e a primeira temporada encontra-se completa no canal.



 Fora do ar na TV aberta desde sua participação no programa Domingo da Gente, Adriane Galisteu também resolveu migrar para o Youtube, criando o "Galisteu Sem Filtro". A apresentadora se mostra bastante à vontade durante os videos, sem se preocupar com as convenções necessárias para a TV. Adriane possui mais de 160 mil inscritos com um ano de estréia e promete que, quando a conquista do primeiro milhão acontecer, ela levará alguns dos inscritos com ela numa viagem à Disney.



 Agora vamos ao que melhor se adaptou à plataforma, possuindo, hoje, mais de três milhões de inscritos em seu canal. O apresentador Celso Portiolli estreou seu canal um ano atrás, fez paródias e diversos videos com o titulo terminado em "... e olha no que deu". Apesar de ter obtido bons números, acho que boa parte do conteúdo é bem desnecessário, às vezes me pergunto se estou no canal de um cara com anos de carreira ou do irmão do Felipe Neto, mas enfim.



 Desde que deixou a apresentação do programa "Sem Censura", a jornalista Leda Nagle decidiu seguir com suas entrevistas. No canal iniciado há cinco meses, Nagle entrega um conteúdo muito bom aos seus 20 mil inscritos. Talvez por possuir mais liberdade na condução de suas conversas e pela ausência de toda a equipe necessária num produção televisiva, Leda e seus convidados se mostram muito mais à vontade e o resultado final é incrível. O crescimento lento das visualizações se dá por conta do formato, não muito comum ao Youtube, mas acredito muito no trabalho da Leda.



 Falando em jornalista competente, não faz muito tempo, Marília Gabriela decidiu encerrar sua participação no GNT e no SBT para dedicar-se ao teatro. Agora, ela retorna com entrevistas, poemas e discussões no seu canal do Youtube. Um dos meus videos preferidos da Marília é este, quando ela conversa com Mãe Stella de Oxóssi sobre sua trajetória e sobre a própria religião do candomblé, vale muito à pena conferir.



 No ar com o reality "Dancing Brasil", Xuxa Meneghel também migrou para a plataforma de videos. A Rainha dos Baixinhos começou com o "Canal X" nove meses atrás e já fez tags, desafios, lives e videos de making off. No Canal X, os fãs da Xuxa podem conhecer um pouco mais sobre ela, seus gostos, sua família e até das suas receitas caseiras para a pele.



Não basta cantar, apresentar e atuar, Ivete Sangalo também resolveu se tornar youtuber. Durante seus videos, seus inscritos acompanham os bastidores de seus shows, vlogs e entrevistas com outros youtubers como Cellbit. A cantora, que possui carisma ímpar, tem se saído muito bem na nova profissão.



 Agora ele, que não curte nem leitura nem teatro. Sim, o ator Caio Castro também passou a produzir para o youtube. Em seus videos, Caio faz receitas, mostra suas presenças vips, suas viagens e um pouco da sua rotina.



 Por fim, temos a atriz e apresentadora Giovana Ewbank. Após encerrar seu contrato com a Globo, a esposa de Bruna Gagliasso resolveu começar um canal com quadros de entrevista e transformação. O que parecia ser um formato tipico de TV, foi muito bem adaptado pela equipe dela, rendendo-lhe mais de um milhão de inscritos em menos de um ano de canal. Sem duvidas, um dos melhores momentos do canal se deu com a participação de Tatá Werneck.

Resultado de imagem para gretchen canal

 Procurando seu espaço na plataforma ainda há nomes como Mikael Borges, Sabrina Sato, Evandro Santo, Gilberto Barros, Kelly Key, Val Marchiori, Celso Zucatelli e Cátia Fonseca....Ah, gente, e como não citar Gretchen? Ela que ensino receita de arroz, fala ao telefone e nos fornece vários memes em seu canal. A dificuldade de muitos desses é adaptar-se ao youtube, onde dinamismo e uma linguagem bem diferente da televisiva são necessários. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Betty Boop, a Verdadeira História

Apesar de não estar no ar em nenhuma animação no momento, Betty Boop é certamente uma das personagens de cartoon mais populares do mundo. Ela está por toda a parte, canetas, camisetas de times de futebol e até tatuagens de senhoras de meia idade. Mas qual a sua origem?

Inês, um retrato do Brasil

Em 2012, outro vídeo viralizava na internet. O que parecia ser só mais um meme passageiro trouxe a público uma personalidade pitoresca do país, que acabou por despertar simpatia em milhões de pessoas. Este alguém em questão é Inês Tânia Lima da Silva, mais conhecida pelo nome artístico de Inês Brasil, que, com um vídeo de inscrição para um popular reality show, viu nascer o sonho de uma carreira musical que a tirou da prostituição.

De Irmã de Kennedy a Ator de Hollywood: Vítimas Famosas da Lobotomia

Você tem depressão, alguma fobia ou questão psicológica? E se o seu médico receitasse a retirada de uma parte do seu cérebro como tratamento? Pode parecer bizarro, mas esta era uma prática comum no começo do século XX, chamada de Lobotomia. A intervenção cirúrgica desenvolvida pelo médico português António Egas Muniz perdeu popularidade por transformar os pacientes em verdadeiros vegetais quando não os levava à morte. À seguir, tratamos sobre algumas figuras conhecidas que foram vitimas do procedimento.