09 setembro 2015

Leituras de Agosto


 É,lá se foi agosto,o mês do meu aniversário (é,podem esperar um book haul maior do que a quantidade de erros de português que a Tati Quebra-Barraco tem num dia),e é sobre as leituras que conclui e avancei nele que venho contar hoje.

 Comecei o mês lendo o segundo livro da trilogia "Legend","Prodigy",da Marie Lu. Comecei não dando muito pelo livro e já quase tendo a certeza de que o primeiro foi melhor,mas aí a história foi acontecendo. Sei que pelo final do livro acontece uma reviravolta que vale o livro todo e o fez entrar para minha lista de favoritos,tendo conseguido superar seu antecessor. Infelizmente "Champion" é o ultimo livro e pretendo lê-lo Outubro.

 A única HQ do mês foi o segundo volume da edição definitiva de "Holy Avenger",um quadrinho totalmente brasileiro e premiado em estilo mangá. Esta obra prima do Marcelo Cassaro e da Erica Awano conta a história de Lisandra,uma druida que vive longe da civilização até receber a missão de reunir as esferas do dragão rubis da virtude para poder trazer um herói e seu poder de volta à vida. Minhas personagens favoritas certamente continuam sendo a Anne,uma pirralha muito da esperta e mal criada,e a Niele,uma elfa muito da louca e em trajes sumaríssimos (gente,ces tem que ver os cosplays que tem dela pelo google). Já inciei o terceiro volume,mas dele falo no post do mês que vem.

 "A Hora da Estrela" foi o meu primeiro livro da Clarice Lispector e ele vem para nos contar as desventuras da nordestina Macabéa. Foi um livro no qual fui com muita vontade de gostar,como se isso já fosse mais que certo. Infelizmente não foi bem assim,talvez eu o releia daqui muito algum tempo. Enfim,o post anterior a este é uma resenha do livro,trate de ler.

 Depois de muito ouvir a Mari do Triplo Books mandando mensagens subliminares do tipo "LEIAM LEIAM LEIAM. JÁ DISSE PRA LEREM? LEIAM." em seus videos,decidi finalmente dar uma chance a "Deus é Meu Camarada",um livro que não tem nada à ver com religião e que se mostrou muito bom.  O livro é narrado em primeira pessoa (aliás,tenho lido muitos livros narrados em primeira pessoa) por um protagonista cujo nome desconhecemos. Este tem uma vida bem mais ou menos,até que Deus chega em sua vida (que gospel isso). Os papos que eles tem são incríveis,é quebrada aquela imagem de ser superior e conseguimos ver Deus como,como...Um camarada. O livro é hilário,porque Deus é muito zoeiro(por isso que eu adoro esse cara),mas também emocionante em alguns momentos. Enfim,recomendo e farei resenha breve. VALEU MARI!


 Não é novidade para ninguém que "A Arma Escarlate" é um dos meus livros favoritos (talvez até o favorito),e todos sabem igualmente que ando empacado no segundo livro (A Comissão Chapeleira). Ainda não sei o porque. Eu estou adorando o livro,está até superando a perfeição do primeiro,mas só avancei umas sem páginas nele este mês. Talvez seja o medo de terminar e ficar sem o terceiro livro que a tia Renata ainda não lançou. Enfim,de Setembro este calhamaço não passa.



 Sim,diria que as minhas leituras este mês foram bem boas. Já aceitei que ultimamente tenho tido uma média de três livros mensais concluídos (é,mai friendi,culpa da Netflix U_U). Mas e suas leituras do mês,foram boas? Que que cê leu? Já leu algum desses livros que li em Agosto? Curte açaí? Me conta nos comentários.




Nenhum comentário:

Postar um comentário