20 agosto 2015

Em 1926, Nem Poirot Sabia do Paradeiro de Agatha Christie

 

 Que Agatha Christie foi uma das maiores romancistas do mundo,todos sabem. O que poucos sabem é que,pelo fim do ano de 1926,Agatha se envolveu num mistério digno de um de seus livros,e é sobre o acontecido que falaremos hoje.

 Tudo corria bem,até Archie,marido da escritora,revela que está apaixonada por outra mulher,sendo ela Nancy Neele,e que queria o divórcio. É quando este deixa a esposa para passar um fim de semana ao lado da amante e e alguns amigos. Ao chegar e encontrar a casa vazia, Agatha pega uma pequena mala e some por volta das nove horas daquela noite.


 Depois de seu carro ter sido encontrado abandonado num barranco e com os faróis acesos,passou a ser procurada. Dentro do carro também estavam a mala,a carteira de motorista e seu casaco de pele. A busca por Agatha Christie teve a ajuda de aviões,mergulhadores e escoteiros,sendo ao total 15.000 voluntários...Claro,que havia o bom incentivo de £100 para quem tivesse qualquer informação.
  
 Onze dias depois de o carro ter sido encontrado,Agatha foi reconhecida no Hydropathic Hotel,Harrogate. Onde chegou de táxi um dia depois de seu sumiço,carregando apenas uma mala. Lá,estava hospedada como Teresa Neele (mesmo sobrenome da amante de seu marido),dizendo que era da Cidade do Cabo e estava de luto pela perda dum filho. No Hotel,foi vista dançando,jogando bridge e fazendo coisas do tipo.

 A escritora foi reconhecida pelo músico Bob Sanders Tappin,que não deixou de reivindicar sua recompensa. Ele havia se dirigido à Agatha como "Miss Christie" ,tendo ela atendido,mas dito que tinha perdido a memória. Esta foi encontrada em 19 de dezembro,dezesseis dias depois de seu sumiço.


 Diversas teorias foram criadas para explicar o suposto falso sumiço da autora. Houve quem dissesse que esta havia tentado forjar a própria morte para se vingar de seu marido,culpando-o. Também houve quem acreditasse e até quem pensasse que tudo havia sido um golpe de marketing para alavancar a venda de seus livros. Apesar de nunca ter se sabido a verdade,acredita-se que em "O Retrato" Agatha conte muito de sua história através de Célia,uma mulher que pensa em suicídio depois de ser abandonada por seu marido.


Nenhum comentário:

Postar um comentário