Pular para o conteúdo principal

Conheça a Compositora do "Parabéns Pra Você"


 No meio de uma de minhas pesquisas, encontrei uma lista de figuras históricas e pensei: "Droga! Como eu não tinha pensado nela antes!". Qual a música que cantamos desde sempre e nunca sai das mais executadas? O "Parabéns  Pra Você". Mas quem fez essa musica?

 Acho que ninguém nunca parou para pensar, é tão cantada que parece uma musica de domínio público. No inicio dos anos quarenta, a musica cantada nos aniversários ainda era "Happy Birthday To You". Esta foi criada à partir duma musica de Mildred Jane e Patty Smith Hill , professoras do jardim de infância, que queriam animar as manhãs de seus alunos. Até que um compositor chamado Almirante se revoltou por uma musica em inglês ter que ser cantada nos aniversários por todo o Brasil e idealizou um concurso na Rádio Tupi. Esta elegeria a melhor versão em lingua portuguesa criada da musica.

 Entre cinco mil escritos surge Berta Celeste, que até então usava o pseudônimo de Léa Guimarães, uma poetisa/farmacêutica/professora de quarenta anos. O julgamento ficou por conta dos membros da Academia Brasileira de Letras, cujos maiores critérios foram a não repetição da mesma frase (coisa que acontecia muito no caso de todos os outros concorrentes) e pela beleza da canção.

 O titulo original era "Parabéns a Você" e a letra esta: "Parabéns a você, nesta data querida, muita felicidade, muitos anos de vida".


 Erros causaram-lhe irritação até o fim de sua vida. Era comum que cantassem "Parabéns pra você/Nessa data querida/ Muitas felicidades/Muitos anos de vida". Era mais comum ainda que ela corrigisse (festas de aniversário ocorrem à todo momento, imagina se ela fosse se irritar por cada erro). Sobre as frases que deviam ser no singular e são normalmente executadas no plural, ela dizia que "A felicidade é uma só."

Mesmo obtendo os direitos autorais da musica mais executada em todo país até os dias de hoje,Berta nunca recebeu o pagamento devido. 

 Por muito tempo, o compositor Jorge de Mello Gambier foi considerado um coautor, que complementou trinta anos depois com "A você muito amor/E saúde também/ Muita sorte e Amigos/Parabéns, Parabéns", este trecho se juntou à musica oficial, mas acabou por se perder.

 A família de Bertha entrou com uma ação na justiça em 2009 e conseguiu esclarecer tudo. Jorge quis gravar um disco infantil na época e complementou porque a música era curta demais. Isso enquanto os descendentes das criadoras da musica original em inglês recebem dois milhões de dólares anuais.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Betty Boop, a Verdadeira História

Apesar de não estar no ar em nenhuma animação no momento, Betty Boop é certamente uma das personagens de cartoon mais populares do mundo. Ela está por toda a parte, canetas, camisetas de times de futebol e até tatuagens de senhoras de meia idade. Mas qual a sua origem?

Inês, um retrato do Brasil

Em 2012, outro vídeo viralizava na internet. O que parecia ser só mais um meme passageiro trouxe a público uma personalidade pitoresca do país, que acabou por despertar simpatia em milhões de pessoas. Este alguém em questão é Inês Tânia Lima da Silva, mais conhecida pelo nome artístico de Inês Brasil, que, com um vídeo de inscrição para um popular reality show, viu nascer o sonho de uma carreira musical que a tirou da prostituição.

De Irmã de Kennedy a Ator de Hollywood: Vítimas Famosas da Lobotomia

Você tem depressão, alguma fobia ou questão psicológica? E se o seu médico receitasse a retirada de uma parte do seu cérebro como tratamento? Pode parecer bizarro, mas esta era uma prática comum no começo do século XX, chamada de Lobotomia. A intervenção cirúrgica desenvolvida pelo médico português António Egas Muniz perdeu popularidade por transformar os pacientes em verdadeiros vegetais quando não os levava à morte. À seguir, tratamos sobre algumas figuras conhecidas que foram vitimas do procedimento.