Pular para o conteúdo principal

Entrevista Exclusiva com o Sertanejo de Luxo, Guto César!





 Hoje converso com um  cara que não nasceu em Goiânia,mas arrasa no sertanejo,ele é o Guto César. Ele se define como "Sertanejo de Luxo",depois desta entrevista você vai entender o porque. Confira logo abaixo (GC - Guto César , K - Kauan):



K - Quando você percebeu que a musica era a sua vida e por que o sertanejo?
GC - Eu percebi q a musica era minha vida quando eu comecei ao 10 anos começar a aprender a tocar o violão que meu irmão tinha. Depois ganhei um cavaquinho dos meus pais com 12 anos e com 13 eu ha tava tocando numa banda de pagode em Feira de Santana. Depois me apaixonei pelos palcos e comecei a me envolver mais e mais com a musica.
 A minha infância foi i tempo todo no interir da Bahia. Feira de Santana e Valente. E a influencia do Sertanejo no interior é muito forte. Cresci ouvindo isso!







K - Você já tem muitos fãs,mas quais são os seus ídolos?
GC - Nasci ouvindo Zezé di Camargo e Luciano, Chitãozinho e Xororó,  Leandro e Leonardo... e hoje também tenho muitos sertanejos que gosto como: Gusttavo Lima,  Israel Novaes, Luan Santana, Cristiano Araújo...




K - Qual a definição de "sertanejo de luxo",e porque se identificou com o estilo?
GC - Me intitulei como sertanejo de luxo devido a esse mistura de um  coração sertanejo que tenho e veia baiana. O sertanejo entrou nos meus ouvidos e coração quando eu ainda tava formando meu gosto musical. Me encantei com o Sertanejo e atrelado a isso era o que passava o dia inteiro nas radio do interior


K - Quais são seus projetos e objetivos hoje?
GC - Minha maior vontade hoje é ter a oportunidade de mostrar minha verdade através das minhas musicas e do som. É ecoar meu som. Somente isso, o resto creio que seja consequência.



K - Qual foi o momento mais especial na sua trajetória até hoje e qual a importância do teu publico?
GC - O momento mais importante da minha trajetória foi quando eu decidi fazer a minha carreira solo, mostrando as minhas verdades e tendo a oportunidade de cantar aquilo que ouvi e me apaixonei a vida inteira, SERTANEJO. O público para nós artista é o principal e único motivo de sermos tao persistentes e perfeccionistas. Não tem motivo maior de cantar se não for pra agradar que esteja me seguindo ou me escutando.


K- Você fez um show com o Pipolo,considerado a revelação do axé este ano,como foi estar ao lado deste artista?
GC - (risos) Pípolo é um grande amigo que a música me deu. Uma pessoa 1.000 e muito talentoso. Ele só tem coisas para agregar na musica baiana e em qualquer evento que esteja.







Agradeço ao Guto César por toda a atenção e desejo-lhe sucesso em todos os seus projetos . Espero que tenham curtido,Lembrando que faltam dois dias para o grande dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Betty Boop,a Verdadeira História

Apesar de não estar no ar em nenhuma animação no momento, Betty Boop é certamente uma das personagens de cartoon mais populares do mundo. Ela está por toda a parte, canetas, camisetas de times de futebol e até tatuagens de senhoras de meia idade. Mas qual a sua origem?

Inês, um retrato do Brasil

Em 2012, outro vídeo viralizava na internet. O que parecia ser só mais um meme passageiro trouxe a público uma personalidade pitoresca do país, que acabou por despertar simpatia em milhões de pessoas. Este alguém em questão é Inês Tânia Lima da Silva, mais conhecida pelo nome artístico de Inês Brasil, que, com um vídeo de inscrição para um popular reality show, viu nascer o sonho de uma carreira musical que a tirou da prostituição.

O Que Houve com Laurie Forman de "That's 70 Show"?

"That's 70 Show" é uma das sitcoms de maior sucesso já produzidas. A série era centrada num grupo de amigos do Wisconsin que, diante das poucas opções de entretenimento da época em que a história se passa, gastava seus dias reclamando da vida no porão de Eric, protagonista do seriado. A irmã mais velha dele, Laurie, foi crescendo na história até fazer parte da turma. Mas, na metade da série, a personagem sumiu abruptamente.