21 fevereiro 2014

Conheça Shirley Temple,a Maior Atriz Mirim do Mundo e "Inspiração" de Maisa Silva!

 

 Recentemente faleceu aos oitenta e cinco anos a eterna garotinha de cabelo claro que conquistou o mundo,Shirley Temple. Ela foi o maior sucesso infantil de todos os tempos,sendo notória nos anos trinta.
 Aos três anos ela já tinha aulas de dança e logo foi contratada para fazer uma serie de curtas,parodiando os grandes artistas da época.Num destes curtas estava a cena onde Shyrley cantava seu maior sucesso "On The Good Ship Lollipop".




Temple ganhou o primeiro Oscar aos seis anos,salvando a Fox e o seu público,que passava pela conhecida como A Grande Depressão. Ela recebeu até um agradecimento especial do presidente Franklin D. Roosevelt,por ter feito a América passar pela grande depressão com um belo sorriso. A garotinha do "sorriso vencedor" foi campeã de bilheteria por muitas e muitas vezes.

 O famoso filme "O Mágico de Oz" seria protagonizado pela menina,mas ela não foi liberada pela Fox e Judy Garland,que tinha dezesseis na época,foi selecionada para o papel. Ela foi muito homenageada,principalmente em desenhos com um em que aparece com o Pato Donald,mas a homenagem que mais gosto foi a feita por um grande idolo meu,Monteiro Lobato. No livro "Memórias de Emilia" a boneca inventa que foi à Hoolywood e junto ao Visconde,teve uma grande aventura com a Shirley.

 A garota era tão talentosa que muitos diziam que ela fosse uma anã disfarçada,que sua mãe cerrava seus dentes para que parecesse criança e que os cenários ao seu redor eram maiores para dar a impressão de que Shirley era mesmo criança (tipo a Nina do Rá-Tim-Bum! ...),mas Temple foi crescendo diante das telonas e provando que tudo aquilo não passava de uma grande mentira.

 Maisa Silva apareceu pela primeira vez no programa do Raul Gil,na Band. A menina tinha carisma e isso fez com que Silvio a contratasse,alguns dizem que a idéia de torná-la uma especie de "nova Shirley Temple" foi do Silvio,outros dizem que foi sua filha Silvia que de tanto ouvir o pai dizer que Maisa se parecia com Shirley,teve a ideia. Maisa foi muito elogiada pelo seu modo de vestir,pouquíssimos sabiam de onde vinha aquele estilo todo. Revistas diziam "Maisa é a Nova Shirley Temple",nunca concordei,ninguém nunca foi nem será como foi Shirley (apesar de gostar da espontaneidade da Maisa e dela ter amadurecido e ser uma boa artista).

Lá vão algumas curiosidades sobre Shirley:
Baby Take a Bow - shirley-temple Screencap* Houve uma cena que exigia lagrimas da menina,então o diretor mentiu dizendo que o cachorrinho de Temple havia morrido. Neste dia ela só fez esta cena,não conseguiu mais se concentrar em texto algum.

* No México seus filmes eram dublados pela Maria Antonieta,a Chiquinha do Chaves.

* Durante um de seus filmes mais famosos Shirley manuseia uma faca para cortar uma corda e libertar um homem,ela gravou algumas cenas fortes para uma criança de cinco anos (algumas envolviam armas de fogo) e muitos até duvidam que a imagem ao lado fosse mesmo tirada dum filme dela.

* O penteado de Shirley tinha exatamente cinquenta e dois cachos (imagino quem parou para contá-los e se conseguiu terminar ou deixou para que os filhos desem continuidade),ela usava vááárias toucas para entrar na piscina e até produtos para "enlourecer" os cabelos.

* O cabelo de Shirley era disputado e a menina tinha que sair escoltada,muitos corriam atras duma mecha.

 Apesar de ter sido um fenômeno ela se aposentou do cinema aos vinte e um anos,já que não possuiu tanto sucesso após a infância. Então de atriz Shirley se torna embaixadora e chefe de protocolo. A sua história se confunde com a do cinema e é importantíssimo relembrá-la sempre,mesmo que tenha sido duma forma...tosquinha,situações como a de Maisa fazem com que a história não se apague. Alguns filmes estão disponíveis e colorizados no youtube.

 Sou um grande fã da Shirley... Enfim! Espero que tenham curtido o post (desculpa pelos três dias de rebeldia) e que algum dia surja no mundo uma artista mirim que chegue perto da genialidade de Shirley.


Nenhum comentário:

Postar um comentário