Pular para o conteúdo principal

Resenha "Mato Sem Cachorro"!

 

    O Brasil todo falando deste filme,dizendo que era otimo e tal...Aí eu decidi ir ver,fiz uma resenhinha pra vocês,espero que gosteeeeiiiiin:
 Resolvi ver o filme,consegui uma ótima companhia e lá estava eu,no cinema.

 O filme é a história dum nerd que não faz droga nenhuma da vida,só tenta emplacar videos na internet. Ele ainda tem que aguentar um primo chatasso(Gentili),que vive encontrando rasões para ficar nú...
 Até que ele quase atropela um cão e é ajudado pela linda Zoé. Eles descobrem uma doença rara no cão e acabam adotando-o,dois anos se passam e o casal de separa. Ele não levantava do sofá e isso dificultou e desgastou a relação. O enredo só começa direito mesmo,quando o cão é sequestrado pelo personagem do Bruno Gagliasso,que ficou com medo de perdê-lo(também) para o namorado de Zoé.

 O filme teve colaboração de Danilo Gentili em algumas piadas e dialogos,o personagem dele é basicamente o mais legal. É um humor escrachado,mas conseguiu arrancar lagrimas duns e doutros em várias partes.
 Até o publico mais critico elogiou nosso cinema nacional. O filme é beem longo(em relação a outros nacionais),mas a história te envolve e você nem percebe o passar do tempo.

 Eu acho que é uma experiencia bem valida,o filme não vai só te fazer rir,vai te fazer pensar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Betty Boop, a Verdadeira História

Apesar de não estar no ar em nenhuma animação no momento, Betty Boop é certamente uma das personagens de cartoon mais populares do mundo. Ela está por toda a parte, canetas, camisetas de times de futebol e até tatuagens de senhoras de meia idade. Mas qual a sua origem?

Inês, um retrato do Brasil

Em 2012, outro vídeo viralizava na internet. O que parecia ser só mais um meme passageiro trouxe a público uma personalidade pitoresca do país, que acabou por despertar simpatia em milhões de pessoas. Este alguém em questão é Inês Tânia Lima da Silva, mais conhecida pelo nome artístico de Inês Brasil, que, com um vídeo de inscrição para um popular reality show, viu nascer o sonho de uma carreira musical que a tirou da prostituição.

De Irmã de Kennedy a Ator de Hollywood: Vítimas Famosas da Lobotomia

Você tem depressão, alguma fobia ou questão psicológica? E se o seu médico receitasse a retirada de uma parte do seu cérebro como tratamento? Pode parecer bizarro, mas esta era uma prática comum no começo do século XX, chamada de Lobotomia. A intervenção cirúrgica desenvolvida pelo médico português António Egas Muniz perdeu popularidade por transformar os pacientes em verdadeiros vegetais quando não os levava à morte. À seguir, tratamos sobre algumas figuras conhecidas que foram vitimas do procedimento.