Pular para o conteúdo principal

A Música "O Amor é Ilusão" Não É Originalmente do "Rouge"!


 Esses dias eu estava olhando uns videos do Rouge e notei uma coisa importantíssima... A FANTINE FOI A ÚNICA QUE NUNCA MUDOU O CABELO! Mas emfim...Este post não é sobre isso,é mais um da serie de post's sobre o grupo. Aqui nós comparamos as musicas originais com as versões cantadas pelo Rouge. E adivinha... "O AMOR E ILUSÃO" TAMBÉM É UMA VERSÃO! A original se chama "Torn" e é da cantora Natalie Imbruglia,veja:



 Agora ouça "O Amor É Ilusão",do ultimo cd do grupo:



 É...dá uma duvida arretada de difícil,mas eu ainda prefiro o Rouge!

 Mas e você? O que acha? O que prefere? Concorda comigo? Me acha a pessoa mais inteligente,perfeita e seduzente do universo?

 COMENTE!

 E se você não é Brasileiro,obrigado pela visita(se você for, também haah...tá...) e saiba que foi por você que eu não usei palavras estranhas e nem usei meus termos(umas palavras bizarras que eu adapto... tipo.... Foda: Fodistico,Fodista). Tudo para que a tradução fique mais fácil.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Betty Boop, a Verdadeira História

Apesar de não estar no ar em nenhuma animação no momento, Betty Boop é certamente uma das personagens de cartoon mais populares do mundo. Ela está por toda a parte, canetas, camisetas de times de futebol e até tatuagens de senhoras de meia idade. Mas qual a sua origem?

Inês, um retrato do Brasil

Em 2012, outro vídeo viralizava na internet. O que parecia ser só mais um meme passageiro trouxe a público uma personalidade pitoresca do país, que acabou por despertar simpatia em milhões de pessoas. Este alguém em questão é Inês Tânia Lima da Silva, mais conhecida pelo nome artístico de Inês Brasil, que, com um vídeo de inscrição para um popular reality show, viu nascer o sonho de uma carreira musical que a tirou da prostituição.

De Irmã de Kennedy a Ator de Hollywood: Vítimas Famosas da Lobotomia

Você tem depressão, alguma fobia ou questão psicológica? E se o seu médico receitasse a retirada de uma parte do seu cérebro como tratamento? Pode parecer bizarro, mas esta era uma prática comum no começo do século XX, chamada de Lobotomia. A intervenção cirúrgica desenvolvida pelo médico português António Egas Muniz perdeu popularidade por transformar os pacientes em verdadeiros vegetais quando não os levava à morte. À seguir, tratamos sobre algumas figuras conhecidas que foram vitimas do procedimento.