Pular para o conteúdo principal

O Grupo Rouge enfrenta problemas burocráticos para lançar seu álbum comemorativo!

  
 O Grupo Rouge está de retorno pruma turnê de despedida,já que o grupo acabou anos atras sem explicações ou coisa do tipo. Os fãs estão revoltados por conta da demora,já que estava prometido desde a metade do ano passado que o grupo retornaria,depois de um teempão,duas musicas foram lançadas. Mas nada de novidades,nada de cd novo,turnê ou algo do tipo. As participantes do grupo já estão tão revoltadas quanto os fãs,pois já se programaram para esta turnê,para este cd e até agora nada. Descubram o "porque" da demora:


 A Sony music ainda não liberou a marca "Rouge" e nem as músicas,as meninas estão tão dispostas que pensam até em fazer um cd com músicas novas. Veja o pronunciamento da Fantine Thó sobre a situação:
Foto: - A Fantine se pronunciou... Vai dar tudo certo, galera! Vamos esperar...
 é gente...a situação tá brava. Só peço pelo amor de Deus que este "Fulano" como dizem,libere logo os direitos do Rouge,esta espera tá ficando chata já. Daqui á pouco os fãs perdem a esperança...Mas por hoje é só meus linduis!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Betty Boop, a Verdadeira História

Apesar de não estar no ar em nenhuma animação no momento, Betty Boop é certamente uma das personagens de cartoon mais populares do mundo. Ela está por toda a parte, canetas, camisetas de times de futebol e até tatuagens de senhoras de meia idade. Mas qual a sua origem?

Inês, um retrato do Brasil

Em 2012, outro vídeo viralizava na internet. O que parecia ser só mais um meme passageiro trouxe a público uma personalidade pitoresca do país, que acabou por despertar simpatia em milhões de pessoas. Este alguém em questão é Inês Tânia Lima da Silva, mais conhecida pelo nome artístico de Inês Brasil, que, com um vídeo de inscrição para um popular reality show, viu nascer o sonho de uma carreira musical que a tirou da prostituição.

De Irmã de Kennedy a Ator de Hollywood: Vítimas Famosas da Lobotomia

Você tem depressão, alguma fobia ou questão psicológica? E se o seu médico receitasse a retirada de uma parte do seu cérebro como tratamento? Pode parecer bizarro, mas esta era uma prática comum no começo do século XX, chamada de Lobotomia. A intervenção cirúrgica desenvolvida pelo médico português António Egas Muniz perdeu popularidade por transformar os pacientes em verdadeiros vegetais quando não os levava à morte. À seguir, tratamos sobre algumas figuras conhecidas que foram vitimas do procedimento.