Pular para o conteúdo principal

TOP 10 DAS MULHERES MAIS AMADAS DO BRASIL!















Eu sou o Kauan e não adianta tampar os ouvidos (até porque...o blog é escrito ne...),porque hoje eu trouxe a lista das mulheres mais amadas do Brasil,uma lista oficial. Perca minutos da sua vida logo abaixo:



1) Xuxa: 380.912
2) Joelma: 366.132
3) Mel Fronckowiak: 77.424
4) Claudia Leitte: 68.305
5) Adriana Esteves: 33.158
6) Sandy: 28.861 
7) Adriane Galisteu: 8.676
8) Paola Oliveira: 3.354
9) Alinne Moraes: 2.673
10) Susana Vieira: 510


 É uma lista meio sem sentido pra mim... A Claudia está,mas a Ivete não,a Mel acabou de surgir na mídia e já é uma das mais queridas,sem falar que também não esperava isso da Joelma,afinal até poucos dias estavam subindo uma tag no twitter #Calypsovergonhanacional. e vocês,digam aí o que acham!

Comentários

  1. PRA MIM, JOELMA É UM ÍCONE, É UM MITO, É UMA RAINHA NA ACEPÇÃO DO TERMO. A CRIATURA MAIS MARAVILHOSA QUE DEUS COLOCOU NO MUNDO PARA NOS ENCANTAR COM SUA VOZ, COM SEU SORRISO, COM SUAS CANÇÕES. DEUS SALVE A RAINHA SUPREMA, A NOSSA DOCE, DOCE JOELMA.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Betty Boop, a Verdadeira História

Apesar de não estar no ar em nenhuma animação no momento, Betty Boop é certamente uma das personagens de cartoon mais populares do mundo. Ela está por toda a parte, canetas, camisetas de times de futebol e até tatuagens de senhoras de meia idade. Mas qual a sua origem?

Inês, um retrato do Brasil

Em 2012, outro vídeo viralizava na internet. O que parecia ser só mais um meme passageiro trouxe a público uma personalidade pitoresca do país, que acabou por despertar simpatia em milhões de pessoas. Este alguém em questão é Inês Tânia Lima da Silva, mais conhecida pelo nome artístico de Inês Brasil, que, com um vídeo de inscrição para um popular reality show, viu nascer o sonho de uma carreira musical que a tirou da prostituição.

De Irmã de Kennedy a Ator de Hollywood: Vítimas Famosas da Lobotomia

Você tem depressão, alguma fobia ou questão psicológica? E se o seu médico receitasse a retirada de uma parte do seu cérebro como tratamento? Pode parecer bizarro, mas esta era uma prática comum no começo do século XX, chamada de Lobotomia. A intervenção cirúrgica desenvolvida pelo médico português António Egas Muniz perdeu popularidade por transformar os pacientes em verdadeiros vegetais quando não os levava à morte. À seguir, tratamos sobre algumas figuras conhecidas que foram vitimas do procedimento.